Maluco

junho 28, 2010

Pareço um maluco perdido no espaço
eu não me desculpo por ser um palhaço
eu troco um beijo por um abraço
dos meus defeitos eu não me desfaço

Quem inventou
que os opostos se atraem
esqueceu de dizer
por quanto tempo

Enquanto preferi correr contra o vento
eu vou a favor e com os passos lentos
preferi o sol, eu quero a lua
quer mudar minha vida
eu quero mudar a sua.

Criança

junho 2, 2010

Criança não cansa
não perde a esperança
não aceita um não
se chora demora
não pára tão cedo
troca um sorriso
por um brinquedo

E acredita que ainda vai voar
e acredita que ainda vai tocar nas nuvens.